0015 - Qualidade Ambiental da Cidade Informações do Programa
Secretaria: Secretaria de Meio Ambiente Natureza: .
Data de Início: 01/01/2014 Data Final: 31/12/2017
Horizonte Temporal: . Prazo: 4 anos
Objetivo: Conservação de recursos naturais, do ambiente urbano e revitalização de parques naturais e espaços livres. São quatro linhas de ação: sustentabilidade do uso de recursos e insumos na administração municipal; modernização do licenciamento e monitoramento de fontes de poluição e ruídos, com incremento das captação de recuros via compensações ambientais; incremento da arborização urbana, paisagismo e revitalização de áreas livres; revitalização de parques naturais, orla, manguezal e demais espaços protegidos com implantação de estruturas e atividades de proteção, monitoramento, conservação e recuperação da biodiversidade e da cobertura verde. Esse conjunto de ações contribuirá para a melhoria do meio ambiente urbano resultando em maior qualidade de vida e na ampliação da atratividade dos parques para o lazer, recreação, turismo e educação ambiental, contribuindo ainda para conservação de produtos naturais cruciais para a cultura tradicional e consumo pela população.
Publico Alvo: Munícipes e turistas
Situação Atual: Cancelado
Justificativa: Vitória está entre as capitais com maior quantidade de áreas verdes por habitante, com 40% do território composto por 17 Unidades de Conservação, além de 5 diferentes ecossistemas: mata atlântica, mata paludosa, restinga, manguezal e mar. Apesar dessa realidade indicar parâmetros de cidade sustentável, a fraca gestão pública sobre esses espaços resulta na perda de benefícios que poderiam melhorar a qualidade de vida na cidade. Diante desses desafios, a SEMMAM tem captado recursos, hoje em torno de 10 milhões de reais, para investir nos parques naturais. Porém, esses recursos poderão ser insuficientes ou até devolvidos por decurso de prazos, caso não se invista em capacidade de gestão. A poluição é outro grande desafio, sendo necessário amenizar esse impacto com maior controle das fontes poluidoras, bem como revitalizando espaços livres com árvores e jardins para amenizar os efeitos de poluentes, melhorar a paisagem e o reduzir o aquecimento da cidade.

Previsão Financeira (R$)
Fonte2014201520162017Total
Recursos Próprios28.400.000,0030.183.673,0046.557.676,0049.057.676,00154.199.025,00
Recursos Vinculados17.938.192,0019.342.151,003.118.750,003.118.750,0043.517.843,00
Total46.338.192,0049.525.824,0049.676.426,0052.176.426,00197.716.868,00
Valores Executados (R$)
Valores Executados2014201520162017Total
Despesas Correntes17.828.519,8320.410.776,4922.686.019,0526.464.311,8287.389.627,19
Despesas Capitais657.099,02258.109,581.784.919,95715.027,363.415.155,91
Total18.485.618,8520.668.886,0724.470.939,0027.179.339,1890.804.783,10
Executado no Ano (%)39,8941,7349,2652,0945,93
Executado no PPA (%)9,3510,4512,3813,7545,93
Execução Orçamentária (R$)
Ações do Programa:
Tipo: Secretaria Secretaria de Meio Ambiente
Tipo: Secretaria Secretaria de Meio Ambiente
Tipo: Secretaria Secretaria de Meio Ambiente
Tipo: Secretaria Secretaria de Meio Ambiente
Tipo: Secretaria Secretaria Municipal de Serviços Urbanos
Tipo: Secretaria Secretaria Municipal de Serviços Urbanos
Tipo: Secretaria Secretaria de Meio Ambiente